Casa com vida

Eu não sei você, mas uma das lições que a pandemia trouxe para mim é que a nossa casa é ainda mais importante hoje do que nunca. A minha sempre foi o meu refugio. Também, moro no mesmo endereço a minha vida inteira (sim, isso é verdade) e, talvez por isso mergulhei neste universo do design de interiores. Mas o que antes era somente o local de dormir e passar horas de lazer no fim de semana, hoje é muito mais.

Acredito que possa ser o seu caso. Afinal a nossa casa, para os sortudos, se transformou no local onde passamos a viver a nossa rotina de trabalho, escola dos pequenos (quando não estão de férias), nos aventurando na cozinha quase todos os dias, fazendo a infinidade de tarefas domésticas… e, claro, para aqueles privilegiados, onde de fato, estamos vivendo este ano louco de 2020.

 

Mas afinal, o que é uma casa com vida?

Para responder esta pergunta existem vários elementos, é um pouco daquele princípio da casa com alma, sabe, a materialização da nossa alma em nosso lar. Mas a casa com vida vai muito além disso. Não tem certo nem errado, e quem dá vida a uma casa somos nós mesmos, as pessoas que vivem nela. Então queria compartilhar algumas dicas com você.

 

Meus filhos brincandoCriar um mundo paralelo

Tenho dois filhos e, eles estão de férias com aulas suspensas sem data para voltar. Se identificou? Pois é, com o atual cenário eles também realmente estão vivendo em nossa casa. E para aqueles que têm filhos sabem que a chegada deles trazem um novo sentido para vida e muda o nosso lar completamente. Cada idade, fase e época é uma “casa” diferente. Mas o que fazer durante esta época? Minha recomendação é deixar a criatividade rolar solta. Aqui em casa (como eles são mais grandinhos) sai receitas, brincadeiras, jogos e muito mais… quase todos os dias.

 

 

Organização é chave

Organização

Outro elemento para a vida de uma casa é a organização. Eu sei, atire a primeira pedra quem nunca deixou uma bagunça de um dia para o outro. Mas nesta época em que quase 24h e 7 dias por semana estamos em casa, bagunçar, inventar moda e trocar as coisas de lugar fazem parte do nosso dia a dia. Afinal, se estamos tanto tempo em casa, precisamos fazer alguma coisa, ainda mais com filhos que precisam gastar energia. E convenhamos uma casa bagunçada é sinal de uma casa bem vivida, mas uma casa organizada é uma nova oportunidade de desorganizá-la e viver novas experiências no dia seguinte.

 

 

Plantas fazem uma diferença e tanto

Já que a montanha não chega até nós, que tal trazê-la para dentro de casa? Brincadeiras a parte, adoro trazer elementos vivos para o meu cantinho, pois dão um ar e, inclusive cheirinho especial. Tenho o meu próprio jardim em casa e adoro tirar um dia para cuidar das minhas plantinhas. Adubar, replantar, trocar de potes, aparar as folhas e dar aquela atenção é terapêutico. Como sair por aí não é muito indicado hoje, não existe nada melhor do que trazer a beleza de lá de fora para dentro de casa. Meta? Criar um urban jungle vindo direto do Pinterest na minha varanda.

 

 

Deixar a casa com a nossa cara

E finalmente, a minha última dica é deixar a marca da nossa personalidade por tudo. Trazer a mais nova obra de arte das crianças para uma parede; deixar aquele novo jogo que eles inventaram disponível em um lugar acessível; ter aquela foto linda em família bem grande num porta retrato; deixar aquela manta exposta no sofá para os momentos de filme com pipoca e; claro, ter aqueles elementos de decoração que tocam o nosso coração por tudo é essencial para nos sentirmos ainda mais a vontade em nossa casa.

 

 

Para concluir, uma casa com vida não é aquela casa estática e robusta, igual uma foto direto de uma revista. Mas sim, aquele cantinho que está em constante transformação, melhora e evolução. É onde temos todos os nossos momentos, tanto os tristes quanto os felizes. É o local de celebração, risadas e, muito além disso, o nosso lugar do mundo para expressarmos e vivermos o nosso amor na mais bela e pura versão dele. Cada momento e fase da nossa vida, deixam a nossa casa com uma “vida” diferente.

E para quem morou a vida inteira no mesmo endereço, posso garantir que já vivi várias versões da minha casa e cada fase é uma novidade cada vez mais gostosa.

Me conta nos comentários, o que é uma casa com vida para você?

 

Mariane Michels, apaixonada por arte e decoração, designer da @quatroladosquadros, com o sonho de ajudar a transformar as casas em lares com alma em todo o Brasil.

Enviar Comentário